Top FM Home

Aterragem na A12. Segundo acidente aéreo em menos de 24 horas

Aterragem na A12. Segundo acidente aéreo em menos de 24 horas

Ultraleve embateu no Pinhal Novo contra três carros, fazendo uma vítima, com ferimentos ligeiros. Domingo duas pessoas morreram em Leiria.

Uma avioneta aterrou ontem de emergência na A12, no Pinhal Novo, embatendo contra três veículos (dois no sentido sul/norte e um no sentido norte/sul) que circulavam naquela autoestrada e provocando um ferido ligeiro. Apesar do susto, dois dos veículos envolvidos acabaram por continuar viagem, uma vez que os estragos foram ligeiros.

O alerta foi dado pouco passava da hora de almoço, o aparelho tinha saído cerca das 15h do aeródromo de Torres Novas e tinha como destino a Tojeira, Sintra.

Dentro da avioneta, uma Flyer Pelicano, seguiam duas pessoas – o piloto foi assistido no local não tendo de receber qualquer tratamento médico e a ocupante foi a vítima com ferimentos ligeiros que acabou por ter de ser transportada para o Hospital de São Bernardo, Setúbal, para ser observada por um médico.

À Lusa fonte da Autoridade Nacional de Proteção Civil confirmou ontem que o alerta deste acidente foi dado às 15h26, tendo sido deslocados para a A12 perto de duas dezenas de operacionais – dos bombeiros, Instituto Nacional de Emergência Médica, GNR e Brisa. Também o Gabinete de Prevenção e Investigação de Acidentes com Aeronaves e de Acidentes Ferroviários (GPIAAF) enviou uma equipa de investigadores para o local.

Segundo fonte dos bombeiros disse ontem no local do acidente, o piloto terá referido às autoridades que sentiu alguns problemas técnicos na aeronave e que foi por isso obrigado a aterrar em plena autoestrada.

Apesar dos estragos reduzidos, a via ainda esteve cortada durante algumas horas, dada a presença do ultraleve na estrada, bem como os trabalhos para a remoção da viatura mais afetada.

Os últimos dias têm sido pouco positivos para a aviação em território nacional. No domingo, menos de 24 horas antes – a queda de uma aeronave em Leiria provocou a morte a duas pessoas. O acidente aconteceu no Aeródromo de Leiria José Ferrinho – o aparelho caiu pouco antes das 17h tendo deflagrado de seguida um incêndio, que acabou por se alastrar a uma zona de árvores.

Desde o início do ano registaram-se já cinco acidentes aéreos.

Fonte: Sapo

 

11 Junho 2019 Noticias

Outras Notícias

Facebook